Campanha Novembro Azul incentiva prevenção do câncer de próstata

Atualizado em 06/11/2018 15h25


Campanha Novembro Azul incentiva prevenção do câncer de próstata Alesp apoia a campanha de prevenção e diagnóstico precoce

A campanha de combate ao câncer de próstata, o Novembro Azul, é hoje referência na missão de conscientizar a população masculina a cuidar melhor da saúde, por meio de exames periódicos para a prevenção e diagnóstico precoce da doença.  

O câncer de próstata é a segunda maior causa de mortes entre os homens, atrás somente do câncer de pulmão. No Brasil, segundo levantamento do Instituto Nacional de Câncer (Inca), estimam-se o surgimento de mais de 68 mil casos novos de câncer de próstata, em 2018. O risco estimado é de 66,12 casos novos a cada 100 mil homens, especialmente a partir dos 65 anos, faixa etária de cerca de três quartos dos casos no mundo. 

O preconceito é um dos grandes entraves para a redução do número de casos e a doença ainda é vista como tabu, gerando a desinformação sobre a forma de detecção e tratamento da doença.

Em todo o Brasil, a campanha é reforçada com a iluminação, em azul - apoiada pela Alesp - de prédios e monumentos, palestras, ações em locais de grande circulação de pessoas e  apoio de instituições e personalidades. Desde o dia 1º, a Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) começou mais uma edição da campanha e recomenda que homens a partir de 50 anos procurem médico para avaliação individualizada.