Alesp fecha acordo inédito com Parlamento do RN para novo sistema de RH

Atualizado em 02/09/2020 18h41


Alesp fecha acordo inédito com Parlamento do RN para novo sistema de RH

O presidente da Assembleia Legislativa de São Paulo, deputado Cauê Macris, firmou nesta quarta-feira (2) um convênio com a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte para transferência de um sistema de gestão integrada em recursos humanos, o Legis RH.

A medida é inédita e histórica no Brasil, totalmente sem custos e vai permitir a transferência do software, a assistência na implantação e a customização. Segundo a Secretaria Geral de Administração da Alesp, 80% do sistema já é compatível, restando apenas 20% para ser adaptado.

“Esse acordo é uma grande conquista para a Assembleia Legislativa de São Paulo porque garante acesso a um excelente sistema de gestão de pessoas, sem qualquer custo. Se fossemos buscar no mercado, esse sistema custaria até R$ 15 milhões”, disse Cauê Macris.

A intenção é que o novo sistema de gestão entre em funcionamento o quanto antes. Entre as funcionalidades, estão a nomeação e lotação de servidores; remuneração; afastamento, exoneração e aposentadoria; e também a administração de toda a folha de pagamentos.

O presidente do Parlamento paulista agradeceu ao presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, deputado Ezequiel Ferreira, aos demais parlamentares e aos funcionários da Casa, que desde o início deste ano trabalham para firmar o convênio.

“Uma das nossas bandeiras é fazer mais com menos, e esse acordo de hoje vai justamente nesta direção. Espero que outras casas legislativas também possam adotar a mesma prática, sempre visando a redução de custos e otimização dos serviços”, afirmou Cauê Macris.

Ezequiel Ferreira também agradeceu a oportunidade e falou da importância do convênio. “Temos tidos grandes avanços e pretendemos ampliar. Quero contar com você [Cauê Macris] e com toda a sua equipe. Precisamos nos unir para superar os desafios”, disse ele.